Home

Centenário do Guarani

  • Imprimir

SELO COMEMORATIVO DO GUARANI FUTEBOL CLUBE

(matéria veiculada pelo Guarani Futebol Club)

Estimados amigos,

 

No dia 02 de Abril de 2011 os Correios emitirão um selo comemorativo ao Centenário do Guarani Futebol Clube de Campinas/SP.

 

Os Correios, através da Diretoria Regional de São Paulo Interior, em conjunto com a Diretoria do Guarani Futebol Clube e o Centro Temático de Campinas - CTC estão organizando o lançamento, que ocorrerá no Salão Social do Estádio Brinco de Ouro, sito a Av. Imperatriz Dona Tereza Cristina, 11 - Campinas/SP.

Dentre as diversas atividades que serão realizadas em comemoração ao Centenário estão previstas para a data de 02 de abril: celebração da Missa na Capela Interna do Clube, inicio às 09 horas; 10 horas 15 minutos o hasteamento das bandeiras, com a execução do Hino Nacional e Hino do Guarani; 10 horas 30 minutos lançamento oficial do selo comemorativo; 11 horas inauguração de exposição de fotos. A programação inclui ainda atividades esportivas, apresentação da Orquestra Sinfônica de Campinas e grande queima de fogos.

Os Correios emitirão convites aos associados do clube os quais serão o público alvo do evento.

Para os convites aos filatelistas, estes deverão seguir com a menção RSVP, pois é necessária a confirmação de presença para adentrarem ao recinto.

 


Sobre o Selo


O Selo apresenta, em primeiro plano, a logomarca comemorativa do Centenário do Guarani Futebol Clube, cujo desenho foi baseado no distintivo oficial do Clube, acrescido de contornos dourados, ano de centenário e flâmula dourada com o indicativo de 100 anos. Em segundo plano, é representado o momento da conquista do Título de Campeão Brasileiro de Futebol Profissional de 1978, ocorrida no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em 13 de agosto. As estrelas simbolizam as grandes conquistas do Clube: a dourada, o título de Campeão Brasileiro, em 1978, e a prateada, o título de Campeão Brasileiro da Taça de Prata, em 1981. A cor verde caracteriza o Clube. Foi utilizada a técnica da computação gráfica.

 

Um campeão por natureza!


Em comemoração ao centenário do Guarani Futebol Clube, os Correios emitem este selo postal. Trata-se de mais um Clube homenageado, que compõe a Série Clubes de Futebol – Rumo à Copa de 2014.


O Guarani Futebol Clube foi fundado na cidade de Campinas, estado de São Paulo, no dia 2 de abril de 1911, por um grupo de jovens: Pompeo de Vito, Hernani Matallo, Vicente Matallo (primeiro presidente do Clube), Antonio de Lucca, Romeo de Vito, José Trani, Luiz Bertoni, Angelo Panattoni, Miguel Grecco, José Giardini, Júlio Palmieri, descendentes de italianos, e Alfredo Seiffert Jacoby Jr., descendente de alemães.

A fundação do clube deu-se em uma reunião na Praça Carlos Gomes, quando os jovens escolheram o nome em homenagem à ópera “O Guarani”, obra mais conhecida do maestro e compositor clássico Antonio Carlos Gomes, nascido em Campinas, no século XIX, e reconhecido internacionalmente.

O Guarani Futebol Clube tornou-se, com o passar dos anos, o principal clube de futebol profissional de uma cidade do interior, em todo o Brasil. Foi o primeiro clube do interior paulista a ser Campeão Estadual Amador, em 1944. Os primeiros títulos da era profissional foram os de campeão da 2ª divisão paulista de 1949 e dos Torneios-Início dos Campeonatos Paulistas de 1953, 1954 e 1956. A Taça dos Invictos da Gazeta Esportiva, em 1970, e a Taça Almirante Heleno Nunes (referente à conquista do primeiro turno do Campeonato Paulista), em 1976, são marcos da ascensão do Clube. O auge dessa evolução foi marcado pelo inédito Campeonato Brasileiro conquistado em 1978.

Até hoje, o Guarani é o único clube do interior a ter conquistado o título da primeira divisão do campeonato brasileiro.

O time conquistou, ainda, dois vice-campeonatos brasileiros, em 1986 e 1987, classificando-se em três oportunidades para a disputa da Taça Libertadores da América, principal competição sul-americana de futebol.

Seu primeiro estádio, “Estádio do Guarany” inaugurado em 1923, deu lugar, em 31 de maio de 1953, ao "Brinco de Ouro da Princesa”, um dos maiores estádios do Brasil, que já acomodou públicos superiores a 50.000 pessoas em decisões esportivas.

Seu apelido é "Bugre"; seu mascote, um índio.

O Guarani integra o “Clube dos 13”, entidade que congrega os principais clubes de futebol do Brasil.