Parceiros

logospp.jpg

Estatísticas

Visitantes
390
Artigos
901
Ver quantos acessos teve os artigos
485974

Quem Está Online

Temos 62 visitantes e Nenhum membro online

A CEGUEIRA E O ESPORTE

Hélion de Mello e Oliveira

Publicado na Revista “TEMÁTICA” da ABRAFITE - 129: 142, 1993

Uma coleção temática deve explorar todas as possibilidades do tema em estudo. Este artigo trata da cegueira e esporte que deverá ser incluído como um sub-capítulo de coleções que tratam de cegueira, esporte e Olimpíadas.

O popular dístico “Mens sana in corpore sano” não exclui os cegos e deficientes visuais. Estes também tem acesso ao esporte para através dele, ter “ mente sã em corpo são”.
Os deficientes visuais tem acesso a numerosas modalidades de esporte, algumas representadas na filatelia.
O xadrez é um dos esportes apreciado pelos cegos. Coordenando estas atividades temos a International Braille Chess Association.
Carimbos registram campeonatos e olimpíadas de xadrez para cegos como demonstram os seguintes exemplos: Espanha - Benidorn, 1965; Iugostávia - Pula,1972, Meduklin, 1972, Glamoc, 1977, Donji Vakuf,1978, Prnjavor, 1979 e Bélgica - Brugge, 1978.
A arquearia está ilustrada em selo de Antigua e dos Jogos Paraolímpicos de Seul, realizado na Coréia do Sul, e na franquia mecânica “Camps for the Blind” dos Estados Unidos. Quênia, em um de seus selos, mostra um cego escalando montanhas.
Realizou-se em 1985, em Roma, o “ Campeonati Europei Cie-chi “ que foi comemorado com um carimbo de abertura e outro de encerramento. A Polônia emitiu carimbos comemorando competições esportivas de cegos em Poznan (1972), Varsóvia (1975) e Poznan (1977).

JOGOS PARAOLíMPICOS


Em 1976 foram criados , destinados aos deficientes físicos, visuais e paralisados cerebrais, os Jogos Paraolímpicos “paralelos” ao Jogos Olímpicos, realizados no mesmo ano e freqüentemente no mesmo local. Não devem ser confundidos com as Olimpíadas Especiais que são dedicadas principalmente para jovens com deficiência mental.
Os cegos e deficientes visual de vários países têm tomado parte nestes jogos desde sua instalação.
Os deficientes têm nos jogos paraolímpicos o mais importante evento esportivo mundial para a sua categoria. nesta competição tomam parte os melhores para-atletas fazendo com que evento em termos de complexidade, duração e número participantes seja o equivalente aos Jogos Olímpicos para os atletas não deficientes.
__________________________________________________________________________________



Os 'slogans' oficiais dos jogos de Seul, em 1988, foram: “desafio e conquista”, “paz e amizade”, “participação e paridade”.
Na IX Paraolimpíada realizada em Barcelona, após os Jogos Olímpicos de 1992, mais de 4.000 atletas de cerca de 90 países tomaram parte. O Brasil esteve representado por 42 para-atletas ficando classificado em 30 o. Lugar com 3 medalhas de ouro e 4 de bronze. Uma das medalhas de ouro foi conquistada pela deficiente visual Adria Santos na prova de 100 metros rasos.
As seguintes modalidades esportivas foram programadas:
arquearia, atletismo, bola-ao-cesto, 'boccia', boliche, ciclismo, esgrima, 'goalball'  (similar ao handball, desenvolvido especialmente para os cegos), judô, luta romana, futebol “seven-a-side”, tiro ao alvo, snooker, natação, tênis-de-mesa, tênis, voleibol e levantamento de peso. Destes, três fazem parte  exclusivamente dos Jogos Paraolímpicos. O handball é jogado por competidores cegos em equipe de três.
Os atletas cegos  tomam  parte  nas  provas  de corrida com um corredor vidente ao seu lado. cada participante disputa sozinho, sendo o vencedor determinado pela contagem de tempo.
A universidade de Campinas - UNICAMP - desenvolve um programa de orientação  em  sua  Faculdade de Educação Física destinado aos para-atletas.

Selos emitidos sobre Jogos Paraolímpicos:

Coréia do Sul - 1988 - 2 valores
Austrália - 1992 - 1 valor
França - 1992 - 1 valor
Grã Bretanha - 1992 - 1 valor ( Bandeira da Associação Paraolímpica Britânica)
Espanha - 1992 - 2 valores
Noruega - 1994 - 2 valores



Selo emitido pela Espanha em
comemoração à Paraolimpíada 1992